NOTÍCIAS

Emenda garante reforma de escola fechada há três anos em Ceilândia

O recurso foi garantido pelo deputado distrital Eduardo Pedrosa (PTC)

Emenda garante reforma de escola fechada há três anos em Ceilândia

Finalmente, a reforma do Centro de Ensino Médio 10, de Ceilândia, poderá sair do papel. O deputado Eduardo Pedrosa (PTC), destinou uma emenda parlamentar no valor de R$ 200 mil para reconstrução da instituição e sua imediata reabertura à comunidade. O distrital vai atuar junto ao GDF para que que as obras sejam realizadas antes do início do próximo ano letivo.

Devido ao risco que a edificação apresenta, os mais de 800 estudantes têm de ser levados de ônibus para o Centro de Ensino Fundamental 29, no Setor de Indústrias da cidade, para onde os estudantes são levados em ônibus oferecidos pelo governo. Os pais reclamam da distância e do tempo que os alunos levam para chegar às aulas.

Em razão de graves problemas em sua estrutura, há três anos a escola está fechada. O objetivo era fazer uma reforma que nunca foi efetivada em razão da falta de recursos. Desde então, as obras nunca aconteceram. “Tão logo soube desse problema, providenciei a emenda parlamentar com o valor necessário para a reconstrução”, lembra Eduardo, que vai procurar a Secretaria de Educação para solicitar atenção especial para a unidade.

Emendas para todas as escolas públicas

Eduardo pretende destinar R$ 21 milhões em emendas parlamentares para todas as escolas do DF, entre 2019 e 2022. Neste primeiro ano foram R$ 3,5 milhões para 334 unidades escolares. Em 2020, o valor será de R$ 6 milhões. No ano seguinte, R$ 5,5 milhões e, em 2022, R$ 6 milhões.Com isso, 687 instituições serão atendias. As 14 regionais de Ensino também serão beneficiadas. Os recursos poderão servir para reformas, manutenção, compra de material pedagógico, contratação de profissionais para reparos, além de outras necessidades que possam surgir.