Noúltimos meses o estoque de sangue do Hemocentro de Brasília está baixo. Esse é mais um problema causado pela pandemia.  A doença afastou os doadores e reduziu drasticamente os níveis dos estoques de sangue em todo o Brasil

Apesar dos hemocentros estarem preparados para receber as pessoas em condições seguras, o medo de se contaminarem no deslocamento ou ambiente hospitalar afastou os doadoresexplica o deputado distrital Eduardo Pedrosa (PTC). “Em São Paulo uma carreta leva o banco de sangue aos bairros da capital paulista, em Salvador a coleta itinerante acontece nos supermercados”, conta o parlamentar. 

 Eduardo lembra os hospitais seguem atendendo acidentes e outras necessidades de saúde, mesmo com a pandemiaOferecer uma alternativa segura e de fácil acesso aos doadores pode ser a solução para reabastecer os estoques do Hemocentro.

Foto: Renato Alves/Agência Brasília